Segurança Patrimonial Megavig

Busca por empresas especializadas em segurança patrimonial aumenta em São Paulo

O canal pago Globonews realizou um levantamento sobre a criminalidade em São Paulo, com base em dados da Secretaria de Segurança Pública da cidade. O resultado foi alarmante. Segundo a pesquisa, houve um aumento de 172% nos roubos e furtos a condomínios na capital paulista entre 2015 e 2016.

Com base nesse levantamento, o canal exibiu uma reportagem com imagens ainda mais preocupantes, captadas por câmeras de segurança. Nos vídeos, era possível ver assaltantes entrando em prédios e casas, aparentemente desprotegidas e sem um serviço de Segurança Patrimonial.

É evidente a necessidade de contratar uma empresa de segurança pessoal.

Recentemente, o jornal Estado de São Paulo montou um mapa da violência na capital paulista, com base em números da mesma Secretaria de Segurança Pública relacionados a diversas modalidades, entre elas roubos e furtos, registrados entre janeiro e julho de 2017. O resultado foi preocupante e mostra por que a procura por serviços de Segurança Patrimonial cresce a cada dia.

Segundo o levantamento, a violência não está mais concentrada em algumas poucas regiões, mas espalhada em diversas áreas, incluindo bairros como Pinheiros e Jardins:

Roubo

  • 1° Morumbi;
  • 2° Moema;
  • 3° Butantã;
  • 4° Villa Lobos;
  • 5° Cotia;
  • 6° Campo Belo;
  • 7° Brooklin;
  • 8° Granja Viana;
  • 9° Pinheiros.

Furto

  • 1º Vila Madalena;
  • 2º Pari;
  • 3º Jardins;
  • 4º Vila Nova Conceição;
  • 5º Granja Viana;
  • 6° Itaim Bibi
  • 7° Alphaville
  • 8° Vila Olímpia

Não à toa, o setor tem sido um dos que mais crescem no país. Segundo o Estudo do Setor da Segurança Privada, feito pela Federação Nacional de Empresas de Segurança e Transporte de Valores (Fenavist), o número de empresas teve um aumento de 75% entre 2002 e 2016, passando de 1.386 para 2.438 autorizadas a prestar serviços de Segurança Patrimonial.

Comissão aprova mudanças na segurança patrimonial

Há algum tempo, o setor de segurança patrimonial reivindicava a criação de regras que estabelecessem uma ordem nesse mercado crescente. Esse era um passo importante para que as empresas pudessem oferecer um trabalho eficiente e regulado. Em novembro, a Comissão de Segurança Pública e Combate ao Crime Organizado aprovou o Projeto de Lei 6635/16, do deputado Alberto Fraga (DEM-DF), que alterou as normas sobre segurança patrimonial.

Entre as conquistas, estão a elevação da exigência de escolaridade de vigilantes para ensino médio e o aumento das possibilidades de armamento de vigilantes em transportes de valores e retira a obrigação de que o armamento seja nacional. Trata-se de dois pontos que contribuem a qualidade dos trabalhos no setor de segurança patrimonial.

Há anos no mercado, o Grupo Megavig oferece serviços asseados na qualidade e eficiência na cidade de São Paulo. Conta com uma equipe de profissionais especializados e experientes, constantemente treinados. A empresa coloca sua ampla infraestrutura a serviço de empresas e pessoas físicas. Entre os serviços de segurança patrimonial, estão:

  • Vigilância e condução de veículos/rondasvigilância com uso de motocicletas para rápido atendimento. Nas rondas regulares, esse tipo de transporte vai a lugares onde os veículos de quatro rodas não conseguem chegar.
  • Vigilância e condução de cães – a parceria entre vigilantes e animais tem se mostrado altamente eficiente. Contamos com cães treinados e adestrados, respeitando todas as orientações veterinárias. Você pode contratar o Serviço de Vigilância com Cães para diversas ocasiões.
  • VSPP vigilante de segurança pessoal – o foco desse serviço de segurança patrimonial é diminuir as chances e até impedir roubos, furtos, assaltos, sequestros e qualquer modalidade de crime que ameace o cliente.

Precisa de um serviço de Segurança Patrimonial?

Entre em contato com a gente.

11 5051 0800 / megavig.com.br
Email: contato@megavig.com.br

 

 

TOP