Blog

Saiba os limites legais que um Vigilante pode fazer

O Vigilante tem um papel fundamental na Segurança Privada de empreendimentos residenciais, corporativos, indústrias, entre outros locais. Ele é responsável por fazer ronda dentro das empresas e em todo o perímetro externo, identificando possíveis riscos, de modo a tomar as medidas necessárias para garantir a proteção de pessoas e do patrimônio, como um todo.

O vigilante, que pode ser terceirizado por empresas de segurança privada, deve estar preparado para lidar com circunstâncias adversas, mas sempre mantendo suas ações e decisões dentro dos limites legais da segurança privada, como veremos a seguir.

Segurança Patrimonial

O que o segurança ou vigilante está autorizado a fazer

Um Vigilante bem treinado tem habilidades e competências emocionais para nunca agir fora da lei. Numa ocasião suspeita de furto ou subtração de bens envolvendo pessoas e visitantes dentro do recinto protegido pela Segurança Privada, o vigilante é autorizado a acionar a polícia pelo número de emergência 190. É permitido ao profissional solicitar a permanência da vítima dentro do estabelecimento/empreendimento, até que a guarnição policial chegue ao local do incidente.

O que o vigilante não está autorizado a fazer

O Vigilante deve agir com cuidado, seguindo alguns critérios, mesmo em circunstâncias que apontem algum suspeito. Justamente por não ter poder policial, o segurança não pode revistar o suspeito, assim como não verificar o interior de bolsas e mochilas das vítimas.

O vigilante não é autorizado a usar algemas, fazer interrogatórios ou levar um suspeito para uma sala de investigação. O averiguado tem o direito de entrar em contato, por telefone, com algum parente ou advogado, não podendo ser impedido pelo vigilante.

Um vigilante só tomará atitudes indevidas caso não seja treinado e qualificado o suficiente para exercer sua função adequadamente. O risco de ações negligentes é praticamente inexistente quando o profissional é terceirizado por empresas especializadas, que primam pela competência e excelência no atendimento, como é o caso do Grupo Megavig.

O Grupo Megavig entende a necessidade do profissionalismo no setor de segurança privada

Para evitar situações constrangedoras e fora das normas legais, a Megavig mantém em sua equipe de vigilantes apenas profissionais comprovadamente experientes, treinados e que sabem agir dentro das regras. Nossos vigilantes passam por avaliações psicológicas constantes, para que possam manter o controle emocional em qualquer situação.

Fale com a Megavig e contrate nossos serviços em segurança privada!

TOP